Notícias

Conselho Jovem debate uso de redes sociais na advocacia

O uso das redes sociais na advocacia foi tema de destaque na terceira sessão da nova gestão do Conselho Consultivo da Jovem Advocacia (CCJA), realizada na sede da ESA, na última terça-feira (9). O assunto tem gerado muitas dúvidas sobretudo entre os jovens advogados que estão ingressando no mercado.

De acordo com a presidente do CCJA, Sarah Barros, há uma necessidade grande de regulamentar o uso das redes sociais na profissão. "Esse é um assunto que afeta diretamente a jovem advocacia, que fica sem saber o que pode e o que não pode, e os limites éticos relacionados ao tema", frisou.

Para ajudar sanar essas dúvidas, o Conselho decidiu realizar uma audiência pública no mês de outubro. Na ocasião, será consultado o Tribunal de Ética e Disciplina (TED) da OAB-BA para ajudar os colegas nesse processo.

Na sessão foi tratado ainda do IV Encontro Regional da Jovem Advocacia, evento que acontece entre os dias 07 e 09 de agosto, no Hotel Fiesta. O evento reunirá advogados e advogadas de diferentes seccionais e subseções baianas em três dias de muita troca de conhecimento.

O ex-presidente da OAB Jovem e atual tesoureiro da OAB-BA, Hermes Hilarião, que também esteve presente na sessão, destacou a importância do CCJA na luta pelo fortalecimento da advocacia baiana.

"É sempre uma alegria estar aqui com vocês da OAB Jovem, que é um órgão com uma capacidade enorme renovar as nossas esperanças e as nossas energias. Nós passamos por momentos difíceis na advocacia, mas estamos diariamente na OAB defendendo a nossa profissão", afirmou.Foto: Angelino de Jesus/OAB-BA