Publicada em 15/12/2017

40º Encontro de Presidentes de Caixas dos Advogados é aberto em Praia do Forte

Seccional

Evento reúne, até esta sexta (15), os 27 presidentes de Caixas para a troca de experiências e discussão de projetos voltados à advocacia

Ao som da percussão marcante da banda Didá e da inconfundível guitarra baiana de Armandinho, o 40º Encontro Nacional de Presidentes de Caixas de Assistência dos Advogados (Concad) foi aberto no Iberostar, em Praia do Forte, na noite da última quinta-feira (14). Promovido pela Coordenação Nacional das Caixas de Assistência (Concad) e pelo Conselho Federal da OAB, o evento reunirá, até esta sexta-feira (15), os 27 presidentes de Caixas para trocar experiências e discutir os projetos voltados à advocacia brasileira.

Além do anfitrião Luiz Coutinho, presidente da CAAB, ao lado do presidente da OAB-BA, Luiz Viana Queiroz, participaram da abertura do encontro o vice-presidente da OAB nacional, Luís Cláudio da Silva Chaves, representando o presidente Claudio Lamachia; o presidente da Concad, Ricardo Peres; o presidente da OAB-RJ, Felipe Santa Cruz; o conselheiro do CNJ André Godinho; a vice-presidente da OAB-BA, Ana Patrícia Dantas; e a conselheira federal Ilana Campos.

“Essa é uma oportunidade única que estamos tendo de receber o 40º Concad, para reafirmarmos a união da classe e pensarmos no que podemos construir juntos. É uma alegria muito grande, portanto, sediar esse evento, que, há muitos anos, não se realizava na Bahia. Sem dúvida nenhuma, ele vai ficar para a história do Concad”, disse Luiz Coutinho.

Saudando os colegas, Luís Cláudio da Silva Chaves falou sobre a importância do alinhamento entre a OAB e a Coordenação das Caixas. “A Concad planeja a execução das Caixas do Brasil, então é fundamental que o CFOAB esteja próximo, no sentido de mostrar que o sistema é um só e que ele serve à advocacia brasileira tanto no campo da prerrogativa como no assistencial”, destacou.

Também presente à abertura, Ricardo Peres destacou o encontro como uma grande oportunidade para rever todos os projetos que deram certo em 2017 e melhorá-los em 2018. “E nada melhor do que a Bahia, esse lugar maravilhoso, para sediar esse evento, com esse sol lindo e essa energia boa, para que possamos ter um ano novo completo de realizações e projetos bons para a advocacia”, disse.


Impossível não há

Um dos anfitriões da noite, Luiz Viana abriu seu discurso falando sobre a hospitalidade e os encantos da boa terra. “A Bahia recebe todos de braços abertos. É uma tradição nossa acolher bem a todos que aqui chegam. E, como prova da nossa hospitalidade, nada melhor do que assistir à genialidade de Armandinho, tocando o hino desta forma tão peculiar com a guitarra baiana, que é uma invenção da família dele e marca da Bahia”, disse.

Também em seu discurso, Luiz Viana falou sobre a importância do Forte Garcia d'Ávila, localizado em Praia do Forte, “a mais importante fortificação do hemisfério Sul, um lugar mágico que serve de inspiração para pensar no presente, aprender com o passado e não realizar os mesmos erros no futuro” e encerrou com uma passagem de Jorge Amado na obra A Morte e a Morte de Quincas Berro D'água: "Enterro cada qual cuide do seu. Impossível não há". "Na Bahia, impossível não há. Vamos construir um sistema cada vez mais forte, sob a inspiração de nossos orixás e nossos santos", conclamou.

Encerrando o evento, o presidente da OAB Rio de Janeiro, Felipe Santa Cruz, confessou ser fã do trabalho da OAB da Bahia e da Caixa da Bahia e destacou o papel agregador que a Bahia tem exercido nesse momento de dificuldade do Brasil. “É aqui, neste estado, que nos reunimos e que discutimos os grandes temas da advocacia. E para nós é sempre uma satisfação muito grande estar aqui. Parabéns à Bahia!”, finalizou.

Foto: Angelino de Jesus (OAB-BA)

Fotos

Tel:  (071) 3329-8900
Fax: (071) 3329-8926

Rua Portão da Piedade, nº 16 (Antiga Praça Teixeira de Freitas) Barris - CEP: 40.070-045 - Salvador / Bahia / Brasil

OAB 2013 - Todos os direitos reservados