Publicada em 15/12/2017

OAB-BA adere à Mobilização dos Homens pelo Fim da Violência contra as Mulheres

Seccional

A secional Bahia da Ordem dos Advogados aderiu à campanha de Mobilização dos Homens pelo Fim da Violência contra as Mulheres. A ação que marcou o ingresso da OAB-BA no movimento ocorreu na última sessão do Conselho Pleno da Ordem, realizada na quinta-feira (14), na sede da seccional.

Para marcar a entrada dos advogados e advogadas que servem à OAB-BA na mobilização, diversos membros da classe compareceram à sessão vestindo branco, cor que representa o Dia Nacional de Mobilização dos Homens pelo Fim da Violência contra as Mulheres, comemorado em 06 de dezembro.

A presidente da Comissão Especial da Mulher Advogada, Andrea Marques, explica que essa campanha vem sendo abraçada por outras seccionais e até mesmo pelo Conselho Federal da Ordem. "Assim foi feito na última sessão do Conselho Federal, na OAB-SE e está sendo feito hoje na OAB-BA. Estamos mostrando nosso apoio incondicional à campanha dos homens. Provando que a OAB luta unida", afirmou Andrea.

Ainda de acordo com a presidente, esse é um movimento mundial e que está aliado à campanha da ONU (Organização das Nações Unidas) He For She - Eles Por Elas - cujo objetivo é envolver os homens na remoção das barreiras que impedem as mulheres de atingir seu potencial. "Aqui no Brasil, a ONU se uniu ao canal GNT para divulgar a campanha. A OAB-BA está hoje oficialmente aderindo à mobilização e dando todo o seu apoio", completou.

Origem da data
O dia 06 de dezembro enquanto Dia Nacional de Mobilização dos Homens pelo Fim da Violência contra as Mulheres surgiu de uma tragédia ocorrida em Montreal, no Canadá. No dia 6 de dezembro de 1989, o jovem Marc Lepine, então com 25 anos, matou 14 estudantes de engenharia em uma sala de aula da Escola Politécnica e suicidou-se em seguida.

Em uma carta, Lepine alegava que cometeria o terrível ato por não suportar a ideia de ver mulheres estudando engenharia. O crime motivou um grupo de homens canadenses a se mobilizarem no sentido de mostrar que existiam representantes do sexo masculino dispostos a combater a violência contra a mulher.

Foi escolhido então o laço branco como símbolo da data e adotado o lema "Jamais cometer um ato violento contra as mulheres e não fechar os olhos frente a essa violência". Assim, foi lançada a primeira Campanha do Laço Branco: homens pelo fim da violência contra a mulher. 

Tel:  (071) 3329-8900
Fax: (071) 3329-8926

Rua Portão da Piedade, nº 16 (Antiga Praça Teixeira de Freitas) Barris - CEP: 40.070-045 - Salvador / Bahia / Brasil

OAB 2013 - Todos os direitos reservados